Brasil já supera marca de 50 Leões em Cannes
As informações e opinões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Brasil já supera marca de 50 Leões em Cannes

fernandoscheller

19 Junho 2017 | 16h45

Almap recebe Leão de Ouro por campanha para Alpargatas (Foto: Soraya Ursine/Estadão)

O Brasil ganhou uma injeção de ânimo na competição do Cannes Lions – Festival Internacional de Criatividade de 2017 com a divulgação, ontem, dos resultados de sete categorias da premiação. Mostrando força em categorias como Print & Publishing (mídia impressa), PR (relações públicas) e Outdoor (mídia exterior), o País ampliou sua contagem de Leões para 52, incluindo os quatro prêmios angariados nas categorias ligadas ao Lions Health. O ‘Estadão’ é o representante oficial de Cannes Lions no Brasil.

Mais uma vez, o Brasil mostrou sua tradição em categorias como Print & Publishing, com um total de 21 Leões, incluindo quatro de ouro. Em PR, foram mais 10 Leões e, em Outdoor, outros 11. O Brasil ainda recebeu cinco prêmios em Promo & Activation (que julga promoções e suas ativações no mundo real) e um em Glass Lions, que avalia propagandas que se relacionam a causas importantes, como a igualdade de gênero.

Entre as agências, a AlmapBBDO vem liderando em quantidade de Leões de Ouro: foram dois para em Print & Publishing e dois em Outdoor, somente ontem. De acordo com Luiz Sanches, sócio e vice-presidente da Almap, a agência conseguiu mostrar um resultado forte com campanhas de grande alcance, para companhias como Alpargatas, MAN (braço de caminhões da Volkswagen) e Pedigree (linha pet da Mars).


“Estamos enviando a mensagem de que é possível fazer um bom trabalho para grandes clientes, mesmo em um cenário de crise. Em um momento em que o Brasil está sendo questionado internacionalmente, é preciso mostrar que a criatividade também gera negócios”, diz Sanches. O publicitário lembrou que, no caso de Havaianas, tratou-se de uma estratégia global – parte do design das peças criadas pela agência foi transformada em embalagens do produto.

O publicitário Nizan Guanaes, hoje à frente da DM9, afirma que os jurados brasileiros vêm trabalhando de forma especialmente unida neste ano, com o objetivo de evitar que peças do País que tenha potencial de premiação possam ser negligenciadas. Assim, o País poderá trabalhar para ter expansão no total de Leões em 2017. No ano passado, o Brasil angariou 90 prêmios, abaixo da marca de 108 de 2015.

Apesar da queda no resultado brasileiro no ano passado, a AlmapBBDO foi eleita agência do ano, especialmente graças ao desempenho de uma campanha feita para a Getty Images em 2016.

Leões. Entre os 21 Leões de Print & Publishing, quatro foram de ouro: dois para AlmapBBDO (ambos para Havaianas) e dois para Ogilvy Brasil (ambos para revista Forbes). As pratas vieram para Young & Rubicam (cliente: Freddo), Talent Marcel (Mapfre), JWT (Alcoólicos Anônimos) e Ogilvy (BandSports), além de três para Almap (um para Kiss FM e dois para Havaianas).

Os bronzes vieram para Young & Rubicam (Bic e Santa Casa de Misericórdia), Almap (três para Kiss FM e um para Getty Images), Africa (Disque Denúncia), Neogama (Asics), Talent Marcel (revista Go Outside) e F/Nazca Saatchi & Saatchi (Guaraná Antarctica).

Em Outdoor, foram 11 Leões, incluindo três de ouro – dois para Almap, por Pedigree/Mars e MAN Caminhões e um para Publicis, para Heineken. As pratas vieram para Almap (uma por Getty Images e duas por Alpargatas). E os bronzes foram divididos para Almap (dois, para Pedigree e Getty Images), Young & Rubicam (Santa Casa), Africa (ESPN) e Ogilvy (Hermes Pardini).

Em PR, foram dois ouros, para Little George/Ketchum para a Química Ananse e Lew’Lara\TBWA (Fundação Dorina Nowill para Cegos). As pratas vieram para BETC (Women Interrupted), DM9 (SSexBox) e Grey (Reclame Aqui). Os bronzes foram concedidos para Akqa (Burger King), Grey (Reclame Aqui), Publicis (Heineken), Africa (Budweiser) e DM9 (SSexBox).

Em Promo & Activation, foram três pratas, para Negoama (Asics), Almap (Getty Images) e Aktuell Mix (Hershey’s) e dois bronzes, para DM9 (Walmart) e Ogilvy (Hermes Pardini). O Leão de bronze do País em Glass Lions veio para uma campanha da Ogilvy Brasil para o achocolatado Nescau.

Mais conteúdo sobre:

publicidadecannes lionsleão de ouro
0 Comentários