Devagar se vai longe

Celso Ming

19 Outubro 2016 | 21h03

O comunicado divulgado logo após a reunião do Copom mostra que o Banco Central não terá pressa em derrubar os juros básicos (Selic). Continuará com um olho no comportamento da inflação e o outro na expectativa formada pelo mercado. A meta para 2017 continua sendo inflação de 4,5%. O mercado ainda não se convenceu de que o objetivo será atingido. Leia a análise completa aqui.