Carlos Ratto, ex-Cetip, deixa a B3, um ano após fusão

Carlos Ratto, ex-Cetip, deixa a B3, um ano após fusão

Coluna do Broadcast

29 Março 2018 | 05h00

Carlos Ratto, diretor de Marketing, Relacionamento com os Reguladores e Novos Negócios Core da B3, vai deixar a companhia, um ano depois da fusão entre BM&FBovespa e Cetip. Com isso, dos oito diretores executivos da Cetip antes da integração, sete já se desligaram da nova companhia. Essa conta não inclui Gilson Finkelzstain, presidente da B3 e que chefiava a Cetip antes da fusão. Procurada, a B3 informa que a decisão foi de “comum acordo e que faz parte de sua estratégia de atendimento de clientes e relacionada à área de produtos”. Fábio Zenaro, também ex-Cetip, foi promovido de superintendente a diretor. A B3 informa ainda “que as atividades de relacionamento com o cliente, algumas delas até então conduzidas por Ratto, passam a ser conduzidas por Fabio Hull, também promovido de superintendente a diretor da companhia”.

Siga a @colunadobroad no Twitter