Demanda por passagens aéreas deve cair em junho, após delação de JBS

Demanda por passagens aéreas deve cair em junho, após delação de JBS

Coluna do Broadcast

19 Julho 2017 | 05h00

Os dados de junho das companhias aéreas devem voltar a indicar retração na demanda por passagens, sobretudo no âmbito doméstico, refletindo o efeito negativo da crise política que se reinstalou no País após a delação de executivos da JBS. No começo do ano, a demanda vinha dando alguns sinais de melhora. A percepção é de que até a segunda semana do mês passado, quem tinha o bilhete comprado manteve as viagens. Depois disso, contudo, o aumento da incerteza passou a se refletir sobre a demanda e as vendas das empresas de aviação sentiram o baque.

Sem destino
Assim, as viagens, sobretudo de negócios, voltaram a indicar retração. Os números serão conhecidos nos próximos dias. Apenas nos últimos dois anos, o segmento corporativo apresentou retração entre 30% e 40%.

Siga a @colunadobroad no Twitter