Universidades privadas esboçam reação contra medida que pode limitar preço

Universidades privadas esboçam reação contra medida que pode limitar preço

Coluna do Broadcast

01 Agosto 2017 | 05h00

Uma portaria do Ministério da Educação causou desconforto entre universidades privadas. A medida traz de volta uma velha polêmica: a do controle de preços pelo governo nos cursos feitos por alunos beneficiados pelo programa de financiamento Fies. Em 2016, o assunto virou briga na Justiça e terminou com decisões favoráveis às empresas. Agora, as companhias ainda estudam como reagir.

Em off. Embora irritados, empresários evitam criticar publicamente a regulação do setor e ainda contabilizam os eventuais danos. O texto da portaria, publicado na última sexta-feira, 28, diz que os preços de mensalidades no Fies no segundo semestre deste ano não poderão superar os do primeiro semestre ou os do segundo semestre de 2016. (Dayanne Sousa)

Siga a @colunadobroad no Twitter