Venda da Via Varejo deve ser acelerada

Venda da Via Varejo deve ser acelerada

Coluna do Broadcast

06 Julho 2017 | 05h00

Foto: Hélio Romero/Estadão Conteúdo

O Grupo Pão de Açúcar (GPA) deve acelerar o processo de venda da Via Varejo (Ponto Frio e Casas Bahia), após a divulgação de seus resultados do segundo trimestre do ano. Michel Klein, ex-dono das Casas Bahia e acionista da Via Varejo, segue interessado no negócio. No entanto, as conversas com os fundos de private equity que já mostraram interesse na varejista serão reiniciadas. Neste momento, além do resultado trimestral da Via Varejo, que deve ser positivo, um acordo para o pagamento de perdas e danos entre o GPA e a família Klein, calculado desde a negócio envolvendo a fusão entre Ponto Frio e Casas Bahia, pode ajudar a destravar a venda.

Devagar, devagarinho
O processo de desinvestimento, na prática, nunca foi interrompido pelo grupo, mas o contexto desfavorável acabou atrasando os planos. Procurado, o Pão de Açúcar reiterou que mantém sua decisão estratégica de venda de sua participação na Via Varejo e que o processo de venda segue em curso. “O progresso operacional observado recentemente no negócio de eletroeletrônicos nos dá a confiança de que estamos conduzindo o processo de venda a fim de maximizar valor para os acionistas de GPA e Via Varejo”, destaca a companhia.

Siga a @colunadobroad no Twitter