1. Usuário
Assine o Estadão
assine

quinta-feira 02/07/15 14:09

Balança reage, mas fluxo de comércio cai

Os resultados da balança comercial de junho, divulgados nesta quarta-feira, mostraram um superávit acima do projetado pelos analistas. O saldo comercial foi positivo em US$ 4,5 bilhões, acima dos US$ 2,3 bilhões registrados em junho de 2014 e em junho de 2013. No primeiro semestre, o saldo avançou para US$ 2,2 bilhões (déficit de US$

Ler post
sábado 20/06/15 14:01

PIB perto do fundo do poço

As previsões de que a economia chegaria ao fundo do poço do atual ciclo de baixa no segundo trimestre estão até aqui se confirmando. A variação do IBC-Br, indicador mensal de atividade econômica, calculado pelo Banco Central e divulgado ontem, apontou em abril a descida de mais um degrau rumo ao piso.  Mesmo com a

Ler post
sábado 23/05/15 12:38

Bloqueio insuficiente

Orçamento público, tradicionalmente, é peça de ficção, pelo menos no Brasil. Contingenciamento de gastos, com base em orçamento público, tem tudo para ser a ficção da ficção. O contingenciamento de R$ 70 bilhões anunciado pelo governo soma valores que fecham uma conta de chegar.   É o tanto necessário para cobrir o déficit fiscal primário

Ler post
sexta-feira 22/05/15 12:29

No rumo da “recessão técnica”

A variação do IBC-Br em março, divulgada nesta quinta-feira, pelo Banco Central, apontando retração no primeiro trimestre de 2015 mais forte do que o projetado por analistas, reforça a convicção de que a economia brasileira vive um período de acentuado encolhimento. Divergências sobre os números oficiais da contração do PIB no período, previstos para serem

Ler post
segunda-feira 11/05/15 11:37

Freio nos preços

A trajetória da inflação, medida pelo IPCA, está seguindo o roteiro desenhado para 2015. Esse desenho mostra uma redução dos índices mensais no segundo trimestre, mas com altas em 12 meses, em razão da substituição de números mais baixos, nos mesmos meses do ano passado, por mais altos este ano. Em abril, por exemplo, se

Ler post
quarta-feira 15/04/15 16:40

FMI ajusta projeção do PIB brasileiro, mas continua atrasado

A projeção do FMI para a evolução da economia, no novo "World Economic Outlook" foi a que mais recuou entre todos os países analisados, mostrando que a instituição já estava atrasada em suas previsões no começo do ano. Ao estimar agora retração de 1% para 2015. o FMI continua atrasado, em relação ao consenso do mercado, que converge para recuo de 1,5%.

Ler post