1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Quem Faz

JOSÉ PAULO KUPFER é jornalista desde 1967. Foi repórter, editor, secretário de redação, editor-chefe e diretor de diversas publicações em São Paulo, Rio e Porto Alegre. Colunista do Estadão, escreve no Estadão Noite, edição para tablets, e é comentarista da TV Estadão. É também articulista do jornal O Globo. Começou na internet em 2003, com uma coluna e um blog no NoMinimo, levando o blog para o IG em 2007. Em 2009, transferiu o blog para o Estadão. Graduado em economia pela USP, Carioca radicado em São Paulo, continua torcedor do Fluminense. E-mail: jpkupfer@estadao.com.br
sábado 12/07/14

Emprego industrial: resistência no limite

O desempenho da indústria vem esfriando mês a mês. Assim, mesmo com suas peculiaridades, o emprego no setor só pode mesmo apontar uma tendência de baixa. Foi exatamente isso que mostrou a PIMES de maio, pesquisa mensal do IBGE que mede a situação do emprego e dos salários no segmento industrial. Em maio, o emprego

Ler post
sexta-feira 27/06/14

Baixo crescimento contra a inflação

A inflação, em 12 meses, vai subir e ultrapassar o teto da meta, mas fiquem frios. A política monetária está em ação, o ritmo de crescimento econômico já se encontra abaixo do potencial da economia e quando isso acontece as pressões inflacionárias se dissolvem. Por isso, acreditem, a inflação acabará convergindo para o centro da

Ler post
quarta-feira 25/06/14

Emprego em câmera lenta

A criação de postos de trabalho formais, em maio, não chegou a 60 mil e expressa o menor volume de vagas ocupadas para meses de maio desde 1992. É um resultado quase 20% menor do que os criados em maio de 2013 Os números do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), coletados e divulgados

Ler post
sábado 07/06/14

Inflação: teto mais perto

Depois do IPCA de maio, divulgado ontem pelo IBGE, aumentaram as possibilidades de que o teto da meta de inflação seja ultrapassado em junho. Ainda permanecem predominando as hipóteses de que esse momento só ocorra em julho. Mas basta que a variação do IPCA em junho seja superior a 0,38% para que a inflação, em

Ler post
quinta-feira 29/05/14

Razões de sobra para a pausa

Eram muitas as razões para que o Comitê de Política Monetária (Copom) decidisse interromper o mais longo ciclo de elevação da taxa básica de juros desde a adoção do sistema de metas de inflação. A primeira delas tinha sido antecipada pelo índice de atividade econômica (IBC-Br) de março, anunciado pelo próprio Banco Central, há duas

Ler post
terça-feira 27/05/14

Eficiência ferida

A taxa de poupança na economia brasileira se encontra num ponto historicamente muito baixo. Mas as razões para que não tenha passado de 13,9%, em 2013, vindo numa descendente desde 2009, não são as que costumam ser apontadas por um grande número de economistas. Não é a explosão do consumo das famílias, nem muito menos

Ler post