1. Usuário
Assine o Estadão
assine

‘Protesto imagético’ tem Cristiano Ronaldo na rua 25 de Março

Cley Scholz

27 junho 2014 | 12:10

Sósia do melhor jogador do mundo foi importado da Turquia para mostrar a realidade brasileira e as dificuldades da população ‘sem precisar quebrar nada’, mas ação acabou mais cedo após vexame da seleção portuguesa

Sósia de Cristiano Ronaldo compra camiseta da seleção brasileira na 25 de Março (divulgação)

SÃO PAULO – Imagens de Cristiano Ronaldo comprando uma camisa da seleção brasileira na rua 25 de Março, em São Paulo, estão sendo usadas por uma agência de criação em sua estratégia de marketing.

Na verdade, trata-se de um sósia do craque da seleção de Portugal importado da Turquia, chamado Gokmen Akdogan, considerado o cover número 1 do craque português. Ele ganha a vida como sósia e é garoto propaganda de um energético na Turquia graças à semelhança com o jogador.

O falso CR7 andou em transportes lotados, entrou em filas, foi a bares na periferia e outros locais improváveis para o melhor jogador do mundo, que acaba de despedir-se da Copa 2014.

A agência Senõres, responsável pelas imagens, explicou a ação: “Neste momento o Brasil se divide entre os que protestam veementemente contra a Copa e os que torcem loucamente pelo nosso time, optamos pela terceira via: provocar o questionamento com uma das matérias-primas do caráter nacional, o humor”.

A intenção era aproveitar a presença do verdadeiro Cristiano Ronaldo na Copa para ocupar espaço na mídia com o sósia, mas após o vexame da seleção portuguesa e de seu principal astro, o falso craque também foi embora, alegando problemas pessoais.

CR7 afogou as mágoas em um bar da periferia antes de ir embora (Divulgação)

O sósia que estava no Brasil desde o dia 20 foi retratado e exposto a situações às quais o verdadeiro CR7 jamais vivenciaria.

Os publicitários Marcelo Pena Costa e Fabia Barbieri Costa explicam que a intenção era  fazer “uma espécie de protesto imagético para mostrar a realidade das cidades brasileiras, o dia-a-dia dos cidadãos comuns e as dificuldades enfrentadas pela população sem precisar quebrar nada”, acrescentou a agência.

 

A Señores se define como “um laboratório criativo que converge mentes e ideias de profissionais gabaritados em diversas áreas de atuação, como publicidade, estratégia de comunicação, arte, design, roteiros, tecnologia e negócios”.