1. Usuário
Assine o Estadão
assine

França quer mais universitários brasileiros no país

claudiomarques

sábado 29/12/12

Estão abertas chamadas para novas bolsas de estudos para França no programa Ciências sem Fronteiras. Candidatos contarão com cursos de aperfeiçoamento do idioma Universitários brasileiros têm até o dia 14 de janeiro de 2013 para se inscreverem no Programa Ciências sem Fronteiras, do governo federal, que irá fornecer bolsas de até 18 meses de duração […]

Estão abertas chamadas para novas bolsas de estudos para França no programa Ciências sem Fronteiras. Candidatos contarão com cursos de aperfeiçoamento do idioma

Universitários brasileiros têm até o dia 14 de janeiro de 2013 para se inscreverem no Programa Ciências sem Fronteiras, do governo federal, que irá fornecer bolsas de até 18 meses de duração no ano que vem em algumas das principais universidades francesas, na modalidade conhecida como graduação sanduíche. Os bolsistas iniciarão suas atividades em setembro de 2013.

A boa notícia é que desta vez aqueles que não possuírem o nível suficiente de francês, exigido em edital no ato da inscrição, terão até 10 de fevereiro para enviar o resultado do teste de proficiência e poderão ser beneficiados com um curso intensivo de aperfeiçoamento de dois meses na França, antes do início do período letivo, com custos de formação e hospedagem pagos pelo programa.

Essa é a segunda chamada do Ciências sem Fronteiras para França, desde o início do programa em dezembro de 2011. Para este acordo o país disponibiliza 10 mil vagas para estudantes brasileiros em suas instituições de ensino superior até 2015. As áreas abrangidas são ciências exatas, engenharia, meio ambiente, saúde e indústria criativa, entre outras.

A iniciativa, faz parte do esforço da França, por meio da Campus France, agência de promoção do ensino francês, parceira oficial do governo brasileiro para este programa, em ampliar cada vez mais o número de estudantes brasileiros naquele país. Hoje, a França possui o segundo maior número de bolsistas no programa (mais de 1800).

Além de um valor mensal de 870 euros, os alunos receberão uma série de benefícios, como passagens de ida e volta, seguro-saúde, auxílio instalação, e até mesmo auxílio para compra de material didático e computadores.

Saiba mais

http://www.cienciasemfronteiras.gov.br/web/csf/franca1 – página do programa com edital aberto para a França (bolsas de graduação sanduíche) e formulário de inscrição.

http://www.csf.campusfrance.org/