​Ajuda a amigo se transforma em bola de neve

Fábio Chagas pegou um empréstimo para ajudar um amigo e acabou na lista de maus pagadores

Reneé Pereira, O Estado de S.Paulo

17 Julho 2017 | 05h00

Fábio Chagas pegou um empréstimo para ajudar um amigo e acabou na lista de maus pagadores. O crédito, de R$ 10 mil, era para abrir uma loja de roupa. No início, tudo ia bem. O amigo pagava em dia as parcelas do empréstimo, mas um dia decidiu ir embora para a Bahia e a última parcela de R$ 500 ficou para trás.

Chagas não fazia ideia do atraso no pagamento até receber um comunicado de uma empresa de cobrança. Os R$ 500 viraram R$ 3,7 mil. Para completar, a má notícia veio acompanhada do desemprego. Há um mês ele foi demitido. Com o dinheiro da indenização, resolveu renegociar a dívida e conseguiu um desconto de 40%. 

Chagas diz não ser a primeira vez que se prejudica por causa de amigos. No passado, emprestou o cartão de crédito para um cunhado e teve de arcar com o pagamento.

 

Mais conteúdo sobre:
Dinheiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.