1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Câmara dos EUA aprova suspensão do teto da dívida

AE - Agencia Estado

11 Fevereiro 2014 | 21h 00

A Câmara dos Representantes dos EUA aprovou nesta noite a suspensão do teto da dívida até 15 de março de 2015 por 221 votos a favor e 201 contra. O texto aprovado não contém emendas ou condições e agora deve seguir para o Senado.

Na Câmara, o texto foi aprovado por 193 democratas e 28 republicanos. Agora, no Senado, de maioria democrata, a expectativa é que o projeto seja aceito sem grandes dificuldades.

Originalmente, o presidente da Câmara, o republicano John Boehner, pretendia enviar um texto para aprovação condicionado a um aumento nas pensões militares. No entanto, sem o apoio político necessário, Boehner recuou e permitiu a votação de um projeto "limpo", ou seja, sem condições.

Mais cedo, o líder da maioria no Senado, o democrata Harry Reid, saudou a decisão de Boehner e afirmou que o Senado votará a medida "o mais rápido possível".

O Congresso estará fechado na próxima semana por conta do feriado do Dia do Presidente. A agenda do Senado também pode ser influenciada pela aproximação de uma grande tempestade, que deve atingir Washington na tarde de quarta-feira. Dessa forma, os senadores devem votar o texto amanhã de manhã ou no início da tarde, para permitir que os congressistas deixem a cidade antes da tempestade. Fonte: Market News International.