Clayton de Souza/Estadão
Clayton de Souza/Estadão

Conselho da JBS aprova renegociação de dívidas com bancos nacionais e estrangeiros

Os acordos de estabilização prevê a substituição das dívidas ou prorrogação das parcelas do valor principal

Renato Carvalho, O Estado de S.Paulo

14 Julho 2017 | 17h58

O conselho de administração da JBS autorizou, em reunião realizada no último dia 7, a celebração de acordos de estabilização e renegociação de dívidas da empresa e de suas controladas com grandes bancos nacionais e estrangeiros.

Os acordos de estabilização prevê a substituição das dívidas ou prorrogação das parcelas do valor principal. Estes envolvem diversas instituições; Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal, Santander Brasil, HSBC Brasil, Citibank, BNP Paribas, Deutsche Bank, Rabobank, Bank of China New York Branch, Bank of China, Cargill e Industrial and Commercial Bank of China.

Já o acordo de renegociação de dívidas será negociado com o Itaú Unibanco.

 

Mais conteúdo sobre:
JBS

Encontrou algum erro? Entre em contato

0 Comentários

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.