Marcello Casal Jr./ABr
Marcello Casal Jr./ABr

Correios reajustam tarifas postais pela segunda vez no mesmo ano

Aumento de preços vai acontecer em dua fases, sendo 6% na primeira e 4% na segunda; em abril, reajuste havia sido de 7,49%

O Estado de S.Paulo

18 Outubro 2017 | 13h05

As tarifas postais dos Correios serão reajustadas para serviços nacionais e internacionais. A informação foi divulgada nesta quarta-feira, 18, em publicação no Diário Oficial da União.

O reajuste foi autorizado pelo ministro da Fazenda, Henrique Meirelles. A mudança será escolonada em duas parcelas. A primeira será de 6,121% por prazo indeterminado e outra de 4,094%, a vigorar por 64 meses.

De acordo com a portaria, o reajuste começará a valer a partir de sua aprovação e publicação pelo Ministério das Comunicações.

Foram publicados ainda anexos à portaria que trazem os valores dos serviços dos Correios com as tarifas máximas autorizadas para cada serviço.

+ Governo decreta invertenção no Postalis

O serviço mais básico, de carta não comercial, passará a custar R$ 1,25.

Este é o segundo aumento do ano para o serviço. Em abril, os Correios corrigiram preços das tarifas em 7,49%.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.