Daniel Teixeira/Estadão
Daniel Teixeira/Estadão

Cyrela reverte lucro e apura prejuízo de R$ 141 mi no 2º trimestre

Resultado negativo ficou 10% acima da média das projeções de quatro bancos consultados na Prévia Broadcast (Itaú BBA, Bradesco BBI, JPMorgan e BTG Pactual)

Renato Carvalho e Circe Bonatelli, Broadcast

10 Agosto 2017 | 19h08

A incorporadora Cyrela fechou o segundo trimestre de 2017 com prejuízo líquido de R$ 141 milhões, ante lucro de R$ 44,7 milhões no mesmo período de 2016. No acumulado do semestre, as perdas acumuladas ficaram em R$ 137 milhões, ante lucro de R$ 106 milhões no ano passado.

A Cyrela não forneceu os números do Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização). A companhia reportou a geração de caixa, que ficou em R$ 64 milhões, no trimestre, queda de 45,3% na comparação com o primeiro trimestre deste ano. Não foi informada a geração ou queima de caixa do segundo trimestre de 2016.

A receita líquida da Cyrela entre abril e junho ficou em R$ 575 milhões, ante R$ 600 milhões no ano passado, queda de 4,2%. No acumulado do ano, a receita somou R$ 1,213 bilhão, número 10,6% menor que em 2016. Assim, a margem bruta da Cyrela no segundo trimestre ficou em 26,7%, ante 39,8% no mesmo período de 2016.

A dívida líquida da Cyrela caiu 1,6% em três meses, para R$ 1,725 bilhão. Na mesma base de comparação, a alavancagem medida pela relação dívida líquida/patrimônio líquido passou de 27,1% para 27,3%.

+ ESPECIAL: CONHEÇA OS CUIDADOS, CUSTOS E DICAS PARA COMPRAR UM IMÓVEL

Prejuízo maior.  O prejuízo de R$ 141 milhões apresentados pela Cyrela no segundo trimestre de 2017 ficou 10% acima da média das projeções de quatro bancos consultados na Prévia Broadcast (Itaú BBA, Bradesco BBI, JPMorgan e BTG Pactual), que esperavam perdas de R$ 128,2 milhões no período.

Os analistas projetaram ainda um Ebitda (resultado antes de juros, impostos, depreciação e amortização) negativo de R$ 59 milhões, mas a incorporadora não divulgou o número.

Já na receita líquida, a Cyrela apontou R$ 575 milhões no trimestre, número que ficou 20,2% abaixo da expectativa média dos analistas, de R$ 721 milhões.

Mais conteúdo sobre:
Construtora Cyrela Ebitda

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.