Déficit da Previdência Social cai 46,7% em março

Os dados do ministério indicam uma redução significativa nos gastos com pagamentos de ações judiciais

Isabel Sobral, da Agência Estado,

23 Abril 2008 | 14h22

O déficit da Previdência Social caiu 46,7% em março, para R$ 2,635 bilhões, em relação ao mesmo mês do ano passado. De acordo com dados divulgados hoje pelo Ministério da Previdência, a arrecadação líquida em março somou R$ 12,134 bilhões, que representam uma alta de 9,2% em relação ao valor de março de 2007 (R$ 11,113 bilhões). Do lado das despesas foram gastos R$ 14,769 bilhões em março, equivalentes a uma queda de 8,1% em relação ao montante gasto em março de 2007 (R$ 16,063 bilhões). Os dados do ministério indicam uma redução significativa nos gastos com pagamentos de ações judiciais. No acumulado de janeiro a março deste ano, o déficit da Previdência ficou em R$ 9,813 bilhões, uma queda de 17,2% frente ao déficit de R$ 11,844 bilhões do mesmo período do ano passado. A arrecadação líquida acumulada de janeiro a março é de R$ 35,440 bilhões, com alta de 9,9% em relação ao montante ee R$ 32,257 bilhões em igual período do ano passado. As despesas acumuladas no primeiro trimestre somaram R$ 45,253 bilhões, com elevação de 2,6% frente ao volume de R$ 44,102 bilhões do primeiro trimestre de 2007.

Mais conteúdo sobre:
Previdência

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.