Eletroeletrônicos estão em promoção

Está aberta a temporada das liquidações nas grandes redes de varejo, e os preços de diversos produtos foram reduzidos em até 60%. Na rede Eletro, são mais de sete mil ofertas desde ontem - o consumidor vai encontrar, até o dia 31, preços mais baixos nos setores de eletroeletrônicos, eletrodomésticos, portáteis, informática e móveis. "Temos peças novas e que já saíram de linha ou eram usadas como mostruário", explica o diretor de departamento Marcelo Ubriaco. As 55 lojas do Extra em todo o País também estão liquidando o estoque. A diretora de não-alimentos Sylvia Leitão explica que os produtos estão, em média, 60% mais baratos. A grande vedete da promoção são os CDs, vendidos a partir de R$ 2,90. Além disso, o consumidor pode encontrar bons preços na área de vestuário, como camisetas a partir de R$ 4,90. A liquidação termina no dia seis de janeiro. Até o dia 31, os preços estarão mais baixos também nas Lojas Americanas. Novamente, os CDs são as principais atrações: o kit de CD mais fita VHS do Acústico do grupo Capital Inicial, por exemplo, sai por R$ 14,90. Mas ainda se pode encontrar produtos importantes para quem vai para o litoral no feriado: a cadeira de praia Bel Prazer está custando R$ 11,90 e o kit de bronzeador Nívea mais loção pós-sol, R$ 14,99. No Ponto Frio, entre hoje e amanhã, mais de 50 produtos terão até 50% de desconto. E nas compras em até oito vezes sem entrada será praticado juro de 1,99% ao mês. Entre os produtos com preço reduzido estão a televisão cor Philips 14´ por R$ 299 e o rádio-gravador Lenox por R$ 99,50. Compras em 10 vezes sem juros Desde ontem - e por tempo indeterminado - as Casas Bahia decidiram dividir em até dez vezes, sem entrada, os preços de alguns produtos. A liquidação acontece nas 305 lojas da rede, e os produtos variam em cada unidade. No Sondas Supermercado, a atração são produtos que poderão fazer parte da ceia de Ano Novo. Entre os dias 29 e 31 haverá liquidação de perus, chester, vinhos, champanhes e frutas secas.

Agencia Estado,

27 Dezembro 2001 | 16h07

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.