REUTERS/Larry Downing
REUTERS/Larry Downing

Estados Unidos geram 228 mil vagas em novembro

Resultado veio acima das expectativas do mercado; taxa de desemprego dos Estados Unidos ficou em 4,1%

Dow Jones Newswires

08 Dezembro 2017 | 13h16

A economia dos Estados Unidos gerou 228 mil vagas em novembro, após ajustes sazonais, informou o Departamento do Trabalho nesta sexta-feira. O resultado ficou acima da estimativa de analistas ouvidos pelo Wall Street Journal, que previam a criação de 195 mil postos de trabalho.

O salário médio por hora subiu US$ 0,05 (0,19%), na comparação entre novembro e o mês anterior, para US$ 26,55. A projeção era de alta de 0,3%. Os salários estavam 2,5% maiores na comparação com igual mês do ano passado. O crescimento salarial ainda não chegou ao ritmo de antes da crise, apesar da baixa taxa de desemprego.

O mercado de trabalho dos Estados Unidos está mantendo sua força num momento em que outros aspectos da economia global estão aumentando. O crescimento econômico nos EUA e na Europa acelerou durante o verão e o Japão está vivenciando sua expansão mais longa em 16 anos.

Os indicadores de emprego são acompanhados de perto pelo Federal Reserve (Fed, o banco central americano) nas decisões de política monetária. 

A taxa de desemprego dos Estados Unidos ficou em 4,1% em novembro, de acordo com o Departamento do Comércio. O resultado é o mesmo de outubro e também veio em linha com a previsão dos analistas ouvidos pelo Wall Street Journal

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.