Assine o Estadão
assine

Economia

Volkswagen

EUA processam Volkswagen por escândalo de emissões

Agência de Proteção Ambiental alega que montadora alemã violou a lei ao instalar dispositivos manipuladores em 600 mil carros a diesel

0

O Estado de S.Paulo

04 Janeiro 2016 | 17h48

NOVA YORK - O Departamento de Justiça dos Estados Unidos entrou com uma ação judicial contra a Volkswagen nesta segunda-feira, 4, por causa da alegada instalação de dispositivos manipuladores de emissão de poluentes em cerca de 600 mil veículos movidos a diesel.

A queixa civil, apresentada em nome da Agência de Proteção Ambiental (EPA, na sigla em inglês), alega que a montadora alemã violou a Lei do Ar Limpo ao produzir e comercializar veículos que foram desenvolvidos de forma diferente dos que foram informados para a requisição de certificação da EPA e do Conselho de Recursos Aéreos da Califórnia.

Nenhum porta-voz da Volkswagen se disponibilizou imediatamente para comentar o assunto.

Os dispositivos manipuladores prejudicam os sistema do controle de emissões de poluentes dos veículos ao fazer com que o carro emita mais poluentes do que o permitido pelos padrões da EPA. /DOW JONES NEWSWIRES

Mais conteúdo sobre:

Comentários