1. Usuário
E&N
Assine o Estadão
assine

Glencore indica primeira mulher a integrar Conselho

REUTERS

26 Junho 2014 | 10h 18

A Glencore, última empresa britânica de grande porte com um Conselho inteiramente masculino, nomeou Patrice Merrin como primeira participante feminina do grupo.

O grupo de mineração e negociação de commodities havia enfrentado críticas de alguns acionistas sobre seu aparente fracasso em seguir as recomendações de uma revisão do governo britânico de 2011, que pediu mais mulheres nos Conselhos das empresas.

A revisão estabeleceu uma meta para todas as empresas do índice FTSE 100 terem um quarto dos cargos do Conselho ocupados por mulheres até 2015.

Desde a revisão, que não recomendou quotas formais, a representação feminina nos Conselhos de companhias do FTSE 100 subiu para 20,7 por cento em março deste ano ante 12,5 por cento em 2011.

Merrin, nomeada como membro não executivo do Conselho da Glencore com efeito imediato, trabalhou na mineradora canadense Sherritt por uma década antes de se tornar presidente-executiva da produtora canadense de carvão térmico Luscar.

Ela também faz parte do Conselho da empresa de mineração Stillwater.

(Por Silvia Antonioli)