HSBC abrirá agências aos sábados no interior de SP

O HSBC Bank Brasil anunciou hoje a abertura das agências bancárias aos sábados. A medida atingirá inicialmente três agências, nas cidades de Piracicaba, Ribeirão Preto e São José do Rio Preto, no Estado de São Paulo. A medida passa a valer no próximo sábado, dia 10. O presidente da instituição financeira, Emilson Alonso, disse que a abertura das unidades aos sábados foi possibilitada pela assinatura de acordo coletivo entre o HSBC e a Federação dos Empregados em Estabelecimentos Bancários dos Estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul. Uma lei federal proíbe o trabalho aos sábados em instituições de crédito, salvo em caso de acordo coletivo. O objetivo do banco com esta ação, segundo Alonso, é atender à demanda da população por um maior período de atendimento bancário e ampliar as operações. O HSBC já havia inovado no atendimento ao iniciar, em agosto do ano passado, a ampliação do horário bancário em três horas, das 9h às 18h, quando o horário normal seria das 10h às 16h. "O volume de operações nas agências com horário estendido cresceu 20% em decorrência da comodidade proporcionada aos clientes", afirmou. De acordo com Alonso, as unidades que funcionam até 18 horas registram um número de abertura de contas correntes 10% maior do que em outras agências. Atualmente, das 920 agências do HSBC no Brasil, 214 unidades funcionam com horário estendido. Acordo Pelo acordo fechado hoje com a Federação dos Bancários, os funcionários que trabalharão aos sábados não poderão ser empregados do banco de segunda a sexta-feira. O acordo estabelece ainda que esses novos funcionários terão direito a férias, tíquete-refeição e auxílio cesta-alimentação, além de outros benefícios previstos na convenção de trabalho da categoria, como participação em lucros e vale-transporte. O acordo coletivo prevê uma jornada de até seis horas aos sábados. Entretanto, o projeto-piloto nas três cidades paulistas começará com atendimento de quatro horas, das 10h às 14h. Por esse trabalho, os empregados receberão salário de R$ 310,00. O presidente do HSBC disse que a iniciativa já foi implementada com sucesso em outros países. Segundo ele, a abertura de agências aos sábados já é uma realidade na Inglaterra, França, Estados Unidos, México e China. Alonso destacou que apenas um terço da população brasileira tem acesso a bancos, o que demonstra que há uma grande demanda por serviço bancário básico. O HSBC está negociando com mais de 20 sindicatos de bancários para implementar a abertura de agências aos sábados em outras cidades. Desde que o HSBC adotou o horário estendido, já foram contratados 800 empregados. O quadro deve ser ampliado em mais 300 funcionários até o final do ano.

Agencia Estado,

08 Setembro 2005 | 15h09

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.