1. Usuário
Assine o Estadão
assine


IBGE: região Nordeste tem a maior proporção de pobres

JACQUELINE FARID - Agencia Estado

18 Dezembro 2008 | 11h 44

A distribuição da pobreza no Brasil mostra que 77% dos municípios nordestinos tinham mais da metade de sua população vivendo na pobreza no início desta década, situação idêntica para 32,6% dos municípios brasileiros. Os dados foram revelados esta manhã como parte da nova ferramenta, em DVD, lançada pelo IBGE, que permite localizar, no âmbito dos municípios, a incidência de pobreza, a distância média dos pobres em relação à linha de pobreza (hiato) e a desigualdade entre os pobres (severidade ou profundidade da pobreza), entre outros indicadores. O mapa foi produzido pelo IBGE em parceria com o Banco Mundial e a partir dos dados da Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF) de 2002/2003 e do Censo 2000. O mapa mostra que, selecionando-se a distribuição dos 1.793 municípios das grandes regiões do Brasil, onde mais da metade da sua população vive em situação de pobreza, a conclusão é que a região Nordeste concentra 1.377, representando 77% destes municípios. De acordo com o mapa, a região Nordeste se caracteriza "pela maior proporção de pobres, pela maior distância média dos pobres em relação à linha de pobreza e onde também a severidade da pobreza era a mais intensa do País". Em contrapartida, a região Sul apresentou a menor proporção de municípios com mais da metade da população pobre: apenas 11 municípios, representando 0,6% do total do Brasil.