1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Ideli minimiza rebaixamento da nota do Brasil pela S&P

DAIENE CARDOSO - Agencia Estado

25 Março 2014 | 12h 53

A ministra da Secretaria de Relações Institucionais, Ideli Salvatti, saiu nesta terça-feira, 25, em defesa da política econômica do governo brasileiro um dia após o anúncio do rebaixamento da nota do País pela agência de classificação de risco Standard & Poor''s. Após reunião com líderes da base aliada na Câmara dos Deputados, Ideli minimizou o rebaixamento. "Uma nota de uma agência de risco que não conseguiu sequer perceber o risco da crise de 2008, ela tem que ser levada em consideração com as consequências que disto podem advir, mas sempre relevando, porque aquilo que vem sendo feito no Brasil em termos econômicos tem melhorado de forma significativa a vida da população", rebateu a ministra.

Ideli ressaltou que os fundamentos econômicos do Brasil são sólidos e que é preciso levar em consideração a "qualidade de vida da população". "Nós temos confiança e os números da economia brasileira são muito sólidos e contundentes no sentido da qualidade de vida da população: é o emprego, o controle macroeconômico, são nossas reservas cambiais, é o investimento direto que temos tido, bastante diferenciado de outros países", afirmou.

A ministra enfatizou que o governo está trabalhando para atender aos "interesses da maioria da população". "Nós temos a convicção que estamos trabalhando conforme os interesses da maioria da população em preservação da economia brasileira", finalizou.

A S&P rebaixou o rating da dívida de longo prazo em moeda estrangeira do Brasil de BBB para BBB-; o rating da dívida de longo prazo em moeda local foi rebaixado de A- para BBB+. O rating de crédito de curto prazo em moeda estrangeira foi rebaixado de A2 para A3; o rating da dívida de curto prazo em moeda local foi mantido inalterado em A2. O rating de transferências e conversibilidade foi rebaixado de A- para BBB+. A perspectiva dos ratings de longo prazo foi mudada de "negativa" para "estável". O rating de crédito do Brasil em escala nacional foi mantido inalterado em brAAA, com perspectiva "estável".

Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo