Mercados abrem tranqüilos e dólar despenca

Os mercados estão em ritmo de feriado nessa semana de três dias entre Natal e Ano Novo. As instituições financeiras funcionam em sistema de plantão e o volume de negócios deve ser muito reduzido. Para quem viaja para o exterior em janeiro e ainda não comprou dólares, a boa notícia é que a moeda norte-americana está em queda. Chegou a ser negociada a R$ 2,3020 às 10h30, mas vem subindo um pouco desde então. Outra notícia positiva é que, apesar do caos na Argentina, a atitude dos investidores continua sendo de indiferença. Os bancos permanecem abertos para um número muito limitado de operações, já que o feriado bancário e cambial foi prorrogado, aparentemente por tempo indeterminado. O governo teme pela reação dos correntistas à moratória decretada no final de semana e cogita manter as transações financeiras, especialmente saque e câmbio, congeladas até o Ano Novo. Abertura dos mercados Há pouco, o dólar comercial para venda estava cotado em R$ 2,3120, com queda de 0,99%. Os contratos de juros de DI a termo - que indicam a taxa prefixada para títulos com período de um ano - ainda não tiveram negociação. A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) operava em alta de 0,07%. Não deixe de ver no link abaixo as dicas de investimento, com as recomendações das principais instituições financeiras, incluindo indicações de carteira para as suas aplicações, de acordo com o perfil do investidor e prazo da aplicação. Confira ainda a tabela resumo financeiro com os principais dados do mercado.

Agencia Estado,

26 Dezembro 2001 | 11h02

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.