Petrobras deve confirmar saída de presidente da BR

A Petrobras Distribuidora (BR) deve publicar uma nota à tarde confirmando a saída de seu presidente, Rodolfo Landim, que pediu demissão. A assessoria de imprensa da empresa evita comentários a respeito do assunto, mas fontes do mercado dizem que o executivo recebeu convite da iniciativa privada. Landim assumiu a BR no início do governo Lula, depois de passar pela presidência da Gaspetro, subsidiária da estatal para o setor de gás natural, durante o governo anterior. Ele é funcionário de carreira da Petrobras e deixa o comando da distribuidora em meio ao tiroteio gerado pela crise da Varig, que pressiona o governo por mais prazo para o pagamento do combustível que compra da estatal.

Agencia Estado,

24 Abril 2006 | 14h10

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.