1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Preços do trigo russo de exportação recuam após estimativa do USDA

REUTERS

18 Agosto 2014 | 10h 09

A Rússia, um dos maiores exportadores de trigo via Mar Negro deverá colher 59 milhões de toneladas do cereal este ano

Vanderlei Faria/Estadão
O USDA também elevou a previsão para colheita de trigo na Ucrânia em 1 milhão de toneladas

Os preços do trigo russo de exportação caíram na última semana após o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) aumentar sua estimativa para a safra na região do Mar Negro, disseram analistas russos nesta segunda-feira.

A Rússia, um dos maiores exportadores de trigo via Mar Negro deverá colher 59 milhões de toneladas do cereal este ano, disse o USDA na semana passada, ante previsão anterior de 53 milhões. O USDA também elevou a previsão para colheita de trigo na Ucrânia em 1 milhão de toneladas.

Os preços de exportação do trigo da nova safra da Rússia com 12,5 por cento de conteúdo de proteína caíram 3 dólares para 243 dólares por tonelada na semana passada, em uma reação aos números do USDA, disse a consultoria russa Ikar.

A cotação é para trigo colocado no navio (FOB) base Mar Negro, na comparação com a semana anterior.

A SovEcon, outra importante consultoria russa, cotou o preço FOB do trigo de mesma classificação em baixa de 1,50 dólar, a 246,6 dólares por tonelada.

Segundo governo da Rússia, o país já colheita 44 milhões de toneladas de trigo, de 49 por cento da área plantada.

(Por Polina Devitt)