Sindicato orienta continuidade da greve da Caixa

O Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e Região divulgou nota hoje à noite, classificando de insuficiente a proposta da diretoria da Caixa Econômica Federal, feita em reunião na sede do banco, em Brasília. A orientação do presidente do sindicato, Luiz Cláudio Marcolino, é para a categoria continuar em greve.

MAÍRA TEIXEIRA, Agencia Estado

13 Outubro 2009 | 23h04

Segundo a nota do sindicato, em negociação com os representantes dos bancários,a proposta é classificada como insuficiente "porque não houve avanços em relação à isonomia de direitos, à valorização salarial no Plano de Cargos Comissionados e não há melhoria nas condições de trabalho, com a contratação suficiente de bancários".

Antes do fim das negociações, a assessoria de imprensa da Caixa informou que o banco apresentou proposta de acordo à Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf) e à Confederação Nacional dos Trabalhadores nas Empresas de Crédito (Contec) e informou que aguardava o resultado das assembleias, de hoje,13, e amanhã,14. Amanhã haverá assembleia na sede do sindicato, na região central de São Paulo, às 16h.

Mais conteúdo sobre:
bancários Caixa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.