Taxa de juros da casa própria continua em 10%

O Conselho Monetário Nacional (CMN) decidiu ontem manter a Taxa de Juros de Longo Prazo (TJLP) em 10% ao ano. Esta taxa será responsável pelas correções dos novos contratos de financiamento imobiliário concedidos pela Caixa Econômica Federal à classe média. Além da TJLP, também serão cobrados juros que podem chegar a mais 5,5% ao ano, dependendo do financiamento. As linhas de crédito habitacional para famílias com renda mensal superior a 12 salários mínimos (R$ 2.160) estavam fechadas desde 31 de agosto e serão reabertas a partir do próximo mês. A Caixa usará os recursos do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT) para reabrir o crédito imobiliário. Para liberar os recursos, o Conselho Deliberativo do Fundo (Condefat) aprovou a criação do Programa FAT-Habitação, que permitirá a liberação de R$ 1 bilhão em parcelas de R$ 200 milhões. No entanto, há restrições na reabertura do empréstimo, pois será voltado apenas para a aquisição de imóveis novos, na planta ou construção individual. Nos contratos de imóveis na planta ou em construção, a taxa de juros aplicada será a TJLP mais 4%. Nos de imóveis novos mantém-se a TJLP, porém os juros serão de 5,5%. Já o crédito para unidades usadas continua fechado para a classe média e não há prazo de abertura.

Agencia Estado,

19 Dezembro 2001 | 19h28

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.