Suamy Beydoun/AGIF - 31/3/2017
Suamy Beydoun/AGIF - 31/3/2017

Bolsa de SP segue em queda em mais um dia de revezes pelos mercados

B3 registra queda de 1,50% e acompanha bolsas de Nova York, onde a Dow Jones recua 1,23%; dólar segue em alta acima dos R$ 3,30

Karla Spotorno, O Estado de S.Paulo

09 Fevereiro 2018 | 15h40

A depreciação de mais de 2% nos preços do petróleo e a volatilidade nas Bolsas de Nova York penalizam o Ibovespa nesta sexta-feira de pré-carnaval, 9. Às 15h30, o Ibovespa, indicador que congrega os principais papeis em negociação na B3, caia 1,50%, marcando mínima aos 80.207. O dólar à vista subia 0,84%, aos R$ 3,31. O mercado observa se a moeda americana vai manter-se no intervalo entre R$ 3,28 e R$ 3,30 ou não.

Um operador do mercado financeiro que pede para não ser identificado afirma que o investidor adotou uma maior cautela nesse início de tarde. "Não dá para passar o Carnaval 'vendido'", disse o profissional. O mercado brasileiro ficará fechado até o início da tarde de quarta-feira de cinzas, 14. Até lá, os preços nos mercados internacionais - sobretudo moedas, bonds, commodities e ADRs brasileiros - ficarão à mercê da volatilidade ainda globalmente presente.

Voltando ao mercado de petróleo, a commodity passou a valer menos de US$ 60 o barril na Nymex (NY) nesta tarde. Investidores receiam que esteja acontecendo um aumento de produção nos EUA, visto que nesta semana alguns dados indicaram essa possibilidade.

Às 15h30, O índice Dow Jones recuava 1,23%, o S&P 500 recuava 0,98% e o Nasdaq, -0,53%. No câmbio, o dólar à vista tinha alta de 0,84%, a R$ 3,3129.

A forte valorização do dólar, pouco acima dos R$ 3,30, fez algumas taxas na renda fixa assumirem um viés de alta. Um exemplo é o DI para janeiro de 2021 que, chegou a marcar 8,86% ante 8,85% no ajuste anterior. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.