1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Com investimentos da Petrobrás, petróleo avança para 13% do PIB brasileiro

Fernanda Nunes - Agência Estado

17 Junho 2014 | 11h 41

Até 2020, a companhia irá contratar 28 sondas de perfuração, 32 plataformas de produção, 154 navios de apoio de grande porte e 81 navios-tanque, todos construídos no Brasil

A Petrobrás informou que a participação do setor de petróleo e gás natural no Produto Interno Bruto (PIB) pulou de 3% em 2000 para 13% na atualidade, principalmente, por causa dos investimentos realizados pela própria petroleira. A afirmação fez parte da palestra do diretor de Gás e Energia da estatal, José Alcides Santoro, em evento do setor que ocorre de 15 a 19 de junho, na Rússia.

O diretor da Petrobrás atribuiu o crescimento no PIB à política de conteúdo local, que exige a aquisição de um porcentual mínimo de bens e serviços no mercado interno. Até 2020, a companhia irá contratar 28 sondas de perfuração, 32 plataformas de produção, 154 navios de apoio de grande porte e 81 navios-tanque, todos construídos no Brasil. O plano de investimento da Petrobras é de US$ 220,6 bilhões de 2014 a 2018.

Em comunicado à imprensa, a estatal informou ainda que vários índices de desenvolvimento melhoraram no país na última década e que a indústria de petróleo e gás teve um papel positivo nisso. "O índice de desenvolvimento humano, por exemplo, subiu de 0,67 em 2000 para 0,73 em 2012. O número de empregos no setor também certamente teve impacto positivo na queda da taxa de desemprego no Brasil de 9,9% em 2002 para 6,7% em 2012", segundo Santoro.