1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Petróleo para outubro sobe 0,70% e fecha a US$ 99,00

PRISCILA ARONE - Agencia Estado

14 Setembro 2012 | 17h 21

Os contratos futuros de petróleo negociados na New York Mercantile Exchange (Nymex) fecharam no maior nível em quatro meses nesta sexta-feira e chegaram a tocar os US$ 100,00 por barril, na esteira da divulgação das medidas de estímulo à economia anunciadas na quinta-feira pelo Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA).

O contrato de petróleo para outubro subiu US$ 0,69 (0,70%), fechando a US$ 99,00 por barril. Já na plataforma eletrônica ICE, o barril do Brent para novembro avançou US$ 0,78 (0,67%) encerrando aos US$ 116,66.

O anúncio do Fed fez o dólar cair em relação às principais moedas. A moeda norte-americana mais fraca tende a estimular os preços do petróleo porque a commodity é denominada em dólar, o que torna o produto mais atrativo para detentores de outras moedas e investidores. Embora muitos negociadores já esperassem a medida anunciada, o fato de a compra de bônus não ter prazo para terminar surpreendeu muitos participantes do mercado, o que levou a mais compras.

"O Fed sempre apresenta uma estratégia de saída para este tipo de política", disse Phil Flynn, analista da corretora de commodities Price Futures Group. "Agora, não há estratégia de saída." As informações são da Dow Jones.