1. Usuário
Assine o Estadão
assine
  • Comentar
  • A+ A-
  • Imprimir
  • E-mail

França espera oferta melhor da GE por unidade da Alstom

A França espera que a General Electric melhore a oferta pela unidade de força da Alstom, em meio a uma potencial oferta conjunta da Siemens e da Mitsubishi Heavy Industries, disse o ministro das finanças Michel Sapin neste domingo.

Siemens e Mitsubishi estão concluindo uma oferta para as empresas de turbinas da Alstom, incluindo uma quantia em dinheiro de aproximadamente nove bilhões de euros (12,3 bilhões de dólares), de acordo com fontes próximas do assunto.

Isso se compara com a oferta do conglomerado dos Estados Unidos, de 12,4 bilhões de euros (16,9 bilhões de dólares) por todos os ativos de energia da Alstom.

Uma aliança entre Mitsubishi e Siemens melhora a oferta da Siemens, disse Sapin em entrevista transmitida simultaneamente pela radio Europe 1 e pela iTele. "Eu acho que a GE também vai melhorar a sua proposta."

A Siemens, que se recusou a comentar sobre qualquer discussão com a Mitsubishi, disse que pretende divulgar uma oferta pela Alstom até segunda-feira. Seu conselho fiscal vai se reunir no domingo à noite, segundo uma fonte próxima ao grupo alemão.

A GE por sua vez, fez uma promessa ao governo francês de criar mil novos postos de trabalho na França no espaço de três anos, após fechar a negociação, segundo fontes próximas às discussões.

Alstom, que é famosa por fabricar os icônicos TGV – trens de alta velocidade – franceses, é um grande empregador do setor privado do país e foi socorrida pelo governo há uma década.

(Por Gus Trompiz)