Márcio Fernandes|Estadão
Márcio Fernandes|Estadão

Samarco pode operar este ano, diz Vale à CVM

A companhia está com a operação paralisada desde novembro de 2015, quando o rompimento de uma barragem causou 19 mortes e severos prejuízos ambientais à região de Mariana (MG)

Renato Carvalho, Broadcast

05 Julho 2017 | 22h10

A mineradora Vale informou que ainda existe a possibilidade de a Samarco retomar suas operações ainda em 2017, de acordo com comunicado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM). O ofício foi motivado por uma nota divulgada pela BHP Billiton, sócia da Vale, de que provavelmente a Samarco não reiniciaria as operações neste ano.

A companhia está com a operação paralisada desde novembro de 2015, quando o rompimento de uma barragem causou 19 mortes e severos prejuízos ambientais à região de Mariana (MG).

No documento, a Vale afirmou ter questionado a Samarco sobre o tema. A controlada informou que, apesar das dificuldades na obtenção de licenças, a companhia ainda pretende voltar à ativa até dezembro.

A Vale ressaltou ainda que, caso a Samarco não volte a operar neste ano, o efeito no valor de suas ações será relativamente pequeno. Isso porque a companhia já fez uma provisão (reserva) de R$ 3,7 bilhões no balanço do segundo trimestre de 2016 em função das incertezas sobre o fluxo de caixa da Samarco.

Em nota, a BHP havia afirmado que a retomada da Samarco depende não apenas das aprovações regulatórias, mas também da viabilidade econômica da operação e de um processo de reestruturação das dívidas da empresa. 

Mais conteúdo sobre:
Vale CVM

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.