Divulgação
Divulgação

Vale diz ter interesse em usinas da Cemig

Mineradora informou que pode participar do leilão de concessão de quatro hidrelétricas da estatal mineira marcado para o dia 27 de setembro

Marcelle Gutierrez, O Estado de S.Paulo

12 Setembro 2017 | 10h19

A mineradora Vale informou, por meio de nota, ter interesse nas usinas da Cemig que têm previsão de serem leiloadas este mês. A empresa disse, no entanto, que nenhuma decisão foi tomada até o momento. A participação no leilão se daria por meio da empresa Aliança, da qual a Vale tem 55% e a própria Cemig, 45%.

+ Frustração de receitas de concessões soma R$ 21,6 bi

As usinas da estatal mineira de energia que estão com a  concessão vencida - e, portanto, voltaram para o controle da União - são Jaguara, São Simão, Miranda e Volta Grande. O leilão está previsto para o dia 27 de setembro, e a expectativa do governo federal é de arrecadar R$ 11 bilhões com a venda, dinheiro considerado fundamental para fechar as contas públicas este ano. A Cemig, no entanto, ainda tenta na Justiça prorrogar as concessões. 

+ Cemig vai questionar na Justiça decisão do TCU

De acordo com a nota da Vale, o objetivo  com a compra das usinas seria a autossuficiência energética, um dos pilares estratégicos na redução de custos. "Sendo assim, uma das alternativas para atingirmos este objetivo poderia ser através da participação da Aliança no leilão ou acordo judicial que a Cemig negocia com o governo federal, desde que respeitado o foco estratégico da Vale. Porém, isso ainda está sendo estudado e não há qualquer decisão a respeito", reiterou a mineradora. 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.