Com a melhor tecnologia em saúde e impecável estrutura, o Hospital Copa Star é conceito em atendimento

( DINO - 24 fev, 2017) - Pertencente a Rede D"Or São Luiz, o Hospital Copa Star tem se tornado referência no país em pioneirismo tecnológico para melhor atender seus pacientes. Com conforto e sofisticação o Copa Star é um grande exemplo de empreendimento hospitalar.

Por DINO DIVULGADOR DE NOTÍCIAS

24 Fevereiro 2017 | 10h54

De acordo com a revista Exame a Rede D"Or é uma das redes de hospitais privados que mais cresce no país atualmente. Com 33 hospitais distribuídos em Brasília, Rio de Janeiro, Pernambuco e São Paulo.

O Hospital Copa Star se destaca entre eles, não só pelo design arquitetônico diferenciado, mas também por suprir todas as necessidades de seus pacientes. Com tecnologia de ponta que auxilia desde o atendimento até os mínimos detalhes no conforto da internação e a tranquilidade de seus acompanhantes.

O Intitulado sistema Smart Hospitality do Copa Star oferece aos seus pacientes um Ipad que permite total interação na hora do atendimento. Com ele o paciente pode ver seus exames, chamar enfermeiros entre outras inúmeras funcionalidades para melhor agilizar o atendimento.

O design do prédio é bastante funcional e foi pensado para melhorar o deslocamento dos profissionais internamente. A estrutura possui área anexa para as macas e também para outros equipamentos utilizados em procedimentos realizados nos próprios leitos ou em outras salas. Nos leitos para garantir o conforto e o bem-estar, os pacientes podem personalizar a iluminação ambiente e movimentar as cortinas.

O cardiologista Jorge Moll Filho fundador da Rede D"Or explica que a ideia era realizar um empreendimento hospitalar que unisse profissionais com a melhor qualificação da área da saúde e acomodações dignas de um hotel 5 estrelas.

A vontade de abrir um hospital em Copacabana, zona sul do Rio de Janeiro, veio da certificação de que havia poucos hospitais particulares naquela região (Samaritano, PróCardíaco e Clínica São José). Além da constatação de que parte dos atendimentos feitos em clínicas particulares em São Paulo chegavam através da ponte aérea.

A necessidade de se preencher essa carência de leitos particulares com a vontade de construir no Brasil um Hospital com as referências do Mayo, em Rochester, Minesota nos Estados Unidos, um dos melhores no setor, foi o que motivou Jorge Moll a investir no empreendimento.

400 milhões de reais depois, o projeto tomou forma com 21 mil m² e sete andares se firmando como pioneiro no Brasil em qualidade, inovação e luxo.

No ano de 2010 a Rede D"Or já havia se tornado a maior rede de hospitais do país com cerca de 13 unidades, isso 3 anos antes do projeto ser iniciado. As construções no Rio de Janeiro começaram em 2013.

Os números positivos aumentam a vontade de investir da Rede D"Or que já declarou ter vontade de expandir seu conceito em atendimento hospitalar para o resto do país. O faturamento da rede triplicou após a inauguração do Copa Star e de mais 2 hospitais no Rio.

Website: http://www.copastar.com.br/

Mais conteúdo sobre:
Releases

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.