Brasil chega a 17 jurados em Cannes Lions 2016
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Brasil chega a 17 jurados em Cannes Lions 2016

fernandoscheller

31 Março 2016 | 20h52

A dois meses e meio do início do Cannes Lions – Festival Internacional de Criatividade, o Estadão anunciou ontem mais 16 jurados para diferentes categorias da premiação (veja nomes abaixo). Previamente, Ricardo John, vice-presidente de criação da JWT para a América do Sul, já havia sido anunciado como presidente da categoria Outdoor Lions. O Estadão é o representante oficial do festival Cannes Lions no Brasil.

Cannes Lions se tornará, em 2016, quatro festivais em um. Agora, além da premiação principal, há ainda o Innovation Lions (que celebra inovações a serviço da comunicação), o Lions Health (dedicado à criatividade específica para o setor de saúde) e a “estreia” do Lions Entertainment (um novo evento direcionado à área de entretenimento). Todos os eventos vão ocorrer ao mesmo tempo, entre os dias 18 e 25 de junho, em Cannes, na França.

Maria Laura Nicotero, jurada na categoria Promo

Maria Laura Nicotero, jurada na categoria Promo

O diretor executivo comercial do Grupo Estado, Flávio Pestana, afirmou ontem que a definição dos júris leva em conta, entre outros atributos, o histórico do profissional, o grupo de comunicação em que o candidato trabalha (é necessário um equilíbrio de representação entre os grandes conglomerados globais), experiência de julgamento de peças em outros festivais de publicidade e proficiência em inglês.

O número de jurados deste ano já está quase equivalente ao total do ano passado – quando o País teve 18 representantes. A soma ainda pode aumentar, pois ainda há espaços em júris de categorias como Pharma (que julga peças publicitárias da indústria farmacêutica dentro do festival Lions Health), Titanium (considerada o prêmio máximo do festival), Digital Craft (nova categoria para peças digitais) e Mobile (publicidade veiculada em dispositivos móveis). “A participação brasileira no júri está intimamente ligada ao total de delegados, de inscrições e de prêmios no festival”, disse Pestana.

Gênero. Outra característica do festival é a preocupação com o equilíbrio de gênero dentro dos júris. Há dois anos, Cannes Lions tomou a decisão de ter pelo menos 30% de jurados do sexo feminino. Neste ano, representarão o Brasil a executiva Cris Duclos, diretora de imagem e comunicação da Vivo, na categoria Creative Effectiveness (eficácia criativa); Margot Takeda, sócia-fundadora e diretora de criação da a10 Design, na categoria Design Lions; Roberta Medina, vice-presidente executiva do Rock in Rio, em Entertainment Lions for Music; e Maria Laura Nicotero, presidente da Momentum, em Promo & Activation.

Veja a lista completa dos jurados já anunciados:

Creative Effectiveness: Cris Duclos, Vivo

Cyber: Igor Puga, DM9DDB

Design: Margot Takeda, A10

Direct: Rodrigo Jatene, Grey

Entertainment: Tadeu Jungle, Academia de Filmes

Entertainment for Music: Roberta Medina, Rock In Rio

Film: Rodrigo Castellari, F/Nazca

Film Craft: Mateus de Paula Santos, Vetor Zero

Health & Wellness: André Laurentino, Ogilvy

Innovation: Fred Saldanha, Isobar

Media: Luís Padilha, Havas

Outdoor: Ricardo John, JWT (presidente de júri)

PR: Edson Giusti, Giusti Comunicação

Print & Publishing: Hugo Rodrigues, Publicis

Product Design: Jaakko Tammela, Questto No

Promo & Activation: Maria Laura Nicotero, Momentum

Radio: Rafael Urenha, DPZ&T

Mais conteúdo sobre:

cannes lionsprêmiopublicidade