Apertem os cintos

Claudio Considera

23 de novembro de 2020 | 10h45

Apertem os cintos brasileiros. Deixar um estado sem energia elétrica é o caos. Correr o risco de perder quase sete milhões de exames da Covid-19 pelo vencimento da validade, idem.

O Amapá entra, nesta segunda-feira, no 21º dia de apagão, embora o presidente Jair Bolsonaro tenha visitado o estado este sábado, para dizer que a crise estava encerrada. Ou seja, campanha política em lugar de soluções. Comerciantes tiveram prejuízos absurdos e, obviamente, o consumidor amapaense vai pagar a conta.

Assim como todos nós pagaremos pela inutilização dos exames da Covid, a não ser que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) adote a estranhíssima medida de prorrogar a validade deles.

Assistir de camarote a reinstalação da inflação, também. A falta de gestão afeta a todos os brasileiros. E, cada vez mais, reduz o número de consumidores, por falta de emprego e renda.
Apertem os cintos!

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: