Investir em imóveis requer cuidado

Claudio Considera

07 de dezembro de 2020 | 10h53


Com os juros baixos para investimento e a inflação em elevação, tem aumentado a venda de imóveis por parte de quem tem recursos poupados. Realizar o sonho da casa própria exige um bom planejamento, principalmente se houver necessidade de financiamento de longo prazo para a aquisição.


O ideal é que todas as dívidas não ultrapassem 30% do orçamento, assim, faça bem as contas para avaliar se o orçamento comporta as parcelas previstas. Compare as condições oferecidas pelas diversas instituições financeiras antes de fechar o contrato.

Cuidado para não se precipitar e fechar um contrato com comprometimento da renda familiar ao ponto de ter que suspender os pagamentos e posteriormente, o imóvel ter que ir a leilão e ainda sobrar dívida para quitar.

Para uma taxa de juros de 10% ao ano a cada dez anos de financiamento equivale a pagar o valor do imóvel financiado só com os juros cobrados. Em 30 anos serão pagos 4,5 vezes o valor do imóvel.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.