Governo recebe estudos finais da 6ª rodada de aeroportos nesta semana

Governo recebe estudos finais da 6ª rodada de aeroportos nesta semana

Amanda Pupo

30 de julho de 2020 | 05h00

O Ministério da Infraestrutura recebe nesta semana os estudos concluídos – e revisados – da 6ª rodada de concessões aeroportuárias. Eles precisaram passar por uma reanálise razão da pandemia do novo coronavírus. Segundo fontes, a conclusão é de que nenhum dos três blocos a serem concedidos precisará ter a composição modificada por causa da crise. Ou seja, a viabilidade continua de pé.

A rodada. No total, 22 aeroportos vão ser transferidos à iniciativa privada em leilão programado para março. Os ativos estão separados nos blocos Sul, Central e Norte, e o projeto é preparado pelo consórcio Grupo de Consultores em Aeroportos (GCA).

Investimento. Os estudos revisados devem chegar com previsão reduzida de investimentos nos aeroportos, indo ao encontro das expectativas do governo. O resultado é gerado pelas projeções de demanda, afetadas negativamente pela pandemia. O projeto original estimava investimentos totais de R$ 6,7 bilhões ao longo das concessões.

Mais barato. A tendência é de que as outorgas também sejam afetadas, segundo fontes, e surjam com preços mínimos mais baixos do que os previstos anteriormente. Como as taxas de retorno não foram modificadas, o barateamento pode ocorrer para equilibrar as receitas com o investimento necessário. Há várias reformas que exigem recursos e não podem ser dispensadas, independente da demanda, já que tratam da adequação dos terminais.

Próximo passo. Depois de o Ministério da Infraestrutura receber todos os documentos da 6ª rodada, os estudos serão encaminhados ao Tribunal de Contas da União (TCU). A instituição já havia recebido o levantamento feito antes da pandemia.

Esta reportagem foi publicada no Broadcast+ no dia 29/07/2020 às 14:10:48 .

O Broadcast+ é uma plataforma líder no mercado financeiro com notícias e cotações em tempo real, além de análises e outras funcionalidades para auxiliar na tomada de decisão.

Para saber mais sobre o Broadcast+ e solicitar uma demonstração, acesse http://www.broadcast.com.br/produtos/broadcastplus/

Contato: colunabroadcast@estadao.com

Siga a @colunadobroad no Twitter

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: