Cury, da Cyrela, reduz preço para emplacar IPO

Cury, da Cyrela, reduz preço para emplacar IPO

Fernanda Guimarães

16 de setembro de 2020 | 05h25

A construtora Cury, controlada pela Cyrela, também teve que reduzir o preço da ação de sua oferta inicial (IPO, na sigla em inglês). A faixa indicativa, conforme o prospecto da oferta, tinha sido estabelecida entre R$ 11 e R$ 14,30, mas foi cortada em 15%. Hoje, a Plano & Plano, também da Cyrela, emplacou sua abertura de capital depois de reduzir o preço em 20%. O mesmo havia ocorrido com a Lavvi, a primeira subsidiária da Cyrela, a fazer o IPO. A fila de candidatas para abertura de capital na B3, com mais de 50 empresas, tem cerca de 20 companhias do setor imobiliário. Procurada, a Cury não comentou até o momento.

Contato: colunabroadcast@estadao.com

Siga a @colunadobroad no Twitter

Tudo o que sabemos sobre:

IPOações#bolsa

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: