Rating da Unigel melhora com demanda do agronegócio

Rating da Unigel melhora com demanda do agronegócio

Fernanda Nunes

16 de junho de 2021 | 05h35

A petroquímica Unigel Participações subiu um degrau na escala da S&P Global Ratings. O rating (classificação de risco) nacional saltou de AA para AA+ e o global, de B para BB-. A alta no consumo e nos preços internacionais dos produtos petroquímicos ajudou. Mas não só. O início da operação, em maio, da fábrica de fertilizantes de Sergipe, arrendada da Petrobras, também fez a diferença.

Além de ter o agronegócio como consumidor cativo, a Unigel Agro Sergipe produz a amônia consumida nas unidades produtoras de acrílicos da própria empresa. Luiz Fustaino, diretor de Relações com Investidores, diz que a estratégia é continuar apostando na integração, mas que, nem por isso a empresa perderá a prioridade no setor agrícola.

 

Esta reportagem foi publicada no Broadcast+ no dia 15/06, às 15h29.

O Broadcast+ é uma plataforma líder no mercado financeiro com notícias e cotações em tempo real, além de análises e outras funcionalidades para auxiliar na tomada de decisão.

Para saber mais sobre o Broadcast+ e solicitar uma demonstração, acesse.

Contato: colunabroadcast@estadao.com

Tudo o que sabemos sobre:

petroquímicafertilizantesagronegócio

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.