80% das contratações de alto escalão em 2020 se deram por trocas

Eduardo Laguna

10 de novembro de 2020 | 05h18

A grande maioria das contratações de executivos de alto escalão – na verdade, 80% – este ano se deram em razão de substituição no comando das empresas, segundo levantamento da consultoria de recrutamento Exec. Outros 20% foram novas vagas abertas desde janeiro, em funções como CEO (diretor executivo) e CFO (diretor financeiro).

Novo olhar. A leitura é de que a mudança no padrão de consumo provocada pela pandemia vem forçando o reposicionamento das empresas, com reflexos no comando das organizações. As mudanças no comando estariam sendo feitas para se readequar às novas demandas do mercado.

contato: coluna.broadcast@estadao.com

Tudo o que sabemos sobre:

alto escalãomercado de trabalho

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: