Aliansce negocia a venda de 4 shoppings por R$ 800 milhões para fundos

Aliansce negocia a venda de 4 shoppings por R$ 800 milhões para fundos

Circe Bonatelli

08 de maio de 2022 | 05h20

Objetivo é evitar questionamento do Cade à futura fusão entre Aliansce e BrMalls   Foto: Taba Benedicto /Estadão

A Aliansce Sonae está negociando a venda de quatro shoppings para fundos imobiliários, transação que deve movimentar aproximadamente R$ 800 milhões, segundo apurou a Coluna com fontes de mercado. O pacotão inclui os empreendimentos Boulevard Londrina (PR), Boulevard Vila Velha (ES), Uberlândia Shopping (MG) e um quarto empreendimento a ser definido no Rio de Janeiro.

A oferta tem por objetivo evitar questionamentos do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) a respeito de uma concentração de mercado com a futura fusão entre a Aliansce e a BrMalls. A transação dará origem ao maior conglomerado do setor na América Latina, com 69 unidades – muito mais que seus principais concorrentes Multiplan (20) e Iguatemi (16).

Em algumas cidades, Aliansce e BrMalls juntas dominariam mercado

Na maioria dos casos, os centros de compras estão espalhados pelo País. O problema está em algumas cidades nas quais Aliansce e BrMalls já têm empreendimentos e, combinadas, passariam a dominar o mercado. No Rio, por exemplo, a Aliansce é dona do Via Parque (Barra da Tijuca), Shopping Leblon, Carioca Shopping (Vila da Penha) e Bangu Shopping.

Ao se desfazer dos ativos, a ideia é reduzir essa concentração preventivamente e evitar que o processo fique parado por muito tempo no órgão antitruste. A fusão já foi aprovada pelos conselhos de ambas empresas e será submetida à aprovação dos acionistas em assembleia a ser convocada na semana que vem.

As conversas para venda ocorrem com quatro fundos imobiliários diferentes. Um deles propôs comprar o pacotão com todos, mas o preço oferecido não agradou. Nos próximos dias, as partes vão assinar memorandos de entendimento sobre as vendas – que estarão condicionadas à aprovação da fusão pelos acionistas, segundo fontes. Procurada, a Aliansce não se manifestou.

 

Esta nota foi publicada no Broadcast no dia 06/05/22, às 17h40.

O Broadcast+ é uma plataforma líder no mercado financeiro com notícias e cotações em tempo real, além de análises e outras funcionalidades para auxiliar na tomada de decisão.

Para saber mais sobre o Broadcast+ e solicitar uma demonstração, acesse.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.