Anbima já tem referência de preço para 92% das debêntures negociadas

Cynthia Decloedt

30 de julho de 2020 | 05h00

A Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiros e de Capitais (Anbima) ampliou de 350, no início do ano passado, para 510, o número de séries de debêntures para as quais oferece preços de referência para o mercado em sua plataforma. Esse número corresponde a 92% do que é negociado no mercado secundário.

Demanda e oferta. Em um mercado no qual as transações acontecem entre as corretoras, e não em um ambiente de Bolsa como com as ações, ter uma referência de preço é relevante para a transparência das negociações e para complementar a avaliação de risco dos emissores. Para a Anbima, parte do aumento no número de debêntures precificadas em sua plataforma reflete o ganho de liquidez no mercado desencadeado pela pandemia de covid-19, com gestores ampliando suas estratégias de investimento.

 

 

Esta reportagem foi publicada no Broadcast+ no dia 29/07/2020 às 17:18:18.

O Broadcast+ é uma plataforma líder no mercado financeiro com notícias e cotações em tempo real, além de análises e outras funcionalidades para auxiliar na tomada de decisão.

Para saber mais sobre o Broadcast+ e solicitar uma demonstração, acesse http://www.broadcast.com.br/produtos/broadcastplus/

Contato: colunabroadcast@estadao.com

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: