Após restringir acesso a ações, XP lança novo fundo para funcionários

Aline Bronzati

15 de dezembro de 2019 | 04h00


Aline Bronzati/Estadão

Depois de restringir o acesso as suas ações a um grupo seleto de funcionários, a XP vai permitir que qualquer colaborador tenha papéis do grupo. Nos próximos dias, a plataforma de investimentos deve lançar um fundo voltado aos profissionais da casa. Essa semana, a XP colocou o pé na norte-americana Nasdaq e passou a ser a empresa brasileira mais valiosa na bolsa que reúne os pesos pesados globais da tecnologia. Na tarde de hoje, seu valor de mercado superava os US$ 19 bilhões.

Leia mais: Jorge Paulo Lemann compra ações da XP na bolsa americana

Clubinho. Antes, a XP já havia lançado um fundo para funcionários, batizado de Trend XP Inc Dominus. Ele é acessível, porém, apenas àqueles com ao menos R$ 1 milhão investido ou com alguma certificação por parte da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), integrando o grupo dos chamados investidores qualificados. A sensação nos corredores da empresa era de que, apesar do sucesso da abertura de capital na Nasdaq, os funcionários ‘ficaram de fora da festa’.

Na fila. O novo fundo, dizem, estava na fila para ser lançado. Do capital total, porém, somente 20% serão investidos em ações da XP. Isso porque, se tiver composição de 100% como o já existente, terá de seguir a mesma regra de investidor qualificado. Resta saber se o valor mínimo e as taxas de administração serão iguais. No fundo já lançado, o aporte mínimo é de R$ 500.

Veja ainda: Fundador da XP foi da demissão a uma empresa de quase R$ 80 bilhões

Benção. Ao abrir capital, a XP adotou duras regras de compliance para funcionários e até mesmo seus familiares. Para os empregados interessados, além dos fundos da própria XP, uma alternativa é adquirir os papéis por meio do braço da empresa nos Estados Unidos, a XP Securities. Por meio de outras corretoras, é preciso pedir a bênção do compliance da XP. Procurada, a plataforma não comentou.

Notícia publicada no Broadcast, em 13/12/2019, às 16:27:10.

Contato: colunabroadcast@estadao.com

Siga a @colunadobroadcast no Twitter