Após transações crescerem 30% em 2020, Bexs Banco busca mais parcerias

Após transações crescerem 30% em 2020, Bexs Banco busca mais parcerias

Felipe Laurence

02 de março de 2021 | 05h12

Bexs Banco é líder em pagamentos feitos entre países com moedas diferentes

Após realizar mais de 140 milhões de operações em 2020, o Bexs Banco se estabeleceu como líder do segmento de pagamentos cross-border, aquele feito entre países com moedas diferentes. O volume de transações cresceu 30%, após as parcerias quadruplicarem no ano passado e com o impulso da digitalização forçada pela pandemia.

Dinheiro na mão… O Bexs Banco funciona como intermediário nessas transações. Com parcerias com empresas como Ebanx (que processa os pagamentos de grandes empresas digitais como Spotify, PlayStation, AliExpress e Wish), entre outros, foi desenhada uma solução para que os consumidores brasileiros pudessem pagar por serviços estrangeiros, sem usar um cartão de crédito internacional. Há também parcerias com as Lojas Americanas, a rede social TikTok, a corretora Avenue e a plataforma Storytel.

Expansão. O Bexs tem várias negociações em estágio avançado com outras empresas digitais globais. Segundo Luiz Henrique Didier Jr., presidente da empresa, o Bex é uma empresa de tecnologia com licença de banco. A expectativa é conectar digitalmente mais de 100 milhões de brasileiros ao mundo até 2023.

 

Esta reportagem foi publicada no Broadcast+ no dia 01/03/2021, às 18:33:40 .

O Broadcast+ é uma plataforma líder no mercado financeiro com notícias e cotações em tempo real, além de análises e outras funcionalidades para auxiliar na tomada de decisão.

Para saber mais sobre o Broadcast+ e solicitar uma demonstração, acesse http://www.broadcast.com.br/produtos/broadcastplus/

Contato: colunabroadcast@estadao.com

Tudo o que sabemos sobre:

Bexs BancoEbanxSpotifyPlayStation

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.