B3 busca captação de US$ 500 mi em ‘bond social’ na próxima semana

B3 busca captação de US$ 500 mi em ‘bond social’ na próxima semana

Cynthia Decloedt

11 de setembro de 2021 | 15h00

Um dos compromissos assumidos pela B3 nos bonds é criar índice de diversidade Foto: Daniel Teixeira/Estadão

A B3 volta ao mercado de dívida internacional após mais de 10 anos, em grande estilo, com um título de dívida (bond) atrelado a metas sociais. A emissão deve ser de US$ 500 milhões e acontecer a partir da próxima quarta-feira. A B3 informou ao mercado nesta sexta-feira que iniciou encontro com investidores para uma operação de captação de dívida externa, mas não trouxe os detalhes.

Os compromissos que a B3 assumirá nos bonds são de alcançar presença de 35% de mulheres em cargos de liderança até dezembro de 2026 e criar um índice de diversidade até dezembro de 2024. Atualmente, a Bolsa tem cerca de 28% de mulheres em lideranças. Itaú BBA, JPMorgan, Bradesco BBI, Citi e MUFG são os coordenadores da emissão.

O índice já está sendo estruturado, conforme revelou no mês passado a Coluna, em parceria com a consultoria GPTW, responsável pelo ranking das melhores empresas para se trabalhar. A B3 ainda define a metodologia. Grosso modo, o índice vai ser composto por companhias com certificado e que fazem parte do ranking da GPTW. Dessa forma, as participantes não precisarão responder a um questionário, como acontece no ISE, o índice de sustentabilidade da B3.

 

Esta nota foi publicada no Broadcast+ no dia 10/09/2021 às 13h56.

O Broadcast+ é a plataforma líder no mercado financeiro com notícias e cotações em tempo real, além de análises e outras funcionalidades para auxiliar na tomada de decisão.

Para saber mais sobre o Broadcast+ e solicitar uma demonstração, acesse

Contato: colunabroadcast@estadao.com

Siga a @colunadobroad no Twitter

Tudo o que sabemos sobre:

b3bondstítulo de dívidaesgcaptação

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.