Banco do Brasil também pode ter nomes do setor privado em Conselho

Banco do Brasil também pode ter nomes do setor privado em Conselho

Coluna do Broadcast

03 de março de 2019 | 04h00

O Banco do Brasil, assim como a Caixa Econômica Federal, também pode ter representantes da iniciativa privada em seu Conselho de Administração. A indicação do presidente do colegiado está a cargo do Ministério da Economia. Há quatro candidatos no páreo, incluindo pessoas do mercado e também do funcionalismo público. A pasta tem o direito de indicar o presidente, o vice-presidente e os dois representantes da União.

Menos Brasília. O estatuto do BB não restringe indicação de executivos de mercado. Não se sabe, porém, se o indicado nessa “cota privada” no colegiado do BB irá para a presidência do Conselho de Administração, como na Caixa, ou se ocupará as demais cadeiras. Procurado, o BB não comentou.

Siga a @colunadobroad no Twitter

Para ver a Coluna do Broadcast sem o delay assine o Broadcast+

Mais conteúdo sobre:

BBCaixa Econômica Federal