Bancos de montadoras veem 2022 positivo, apesar das pedras no caminho

Bancos de montadoras veem 2022 positivo, apesar das pedras no caminho

Matheus Piovesana

03 de dezembro de 2021 | 05h20

Vendas de veículos em novembro foram as piores para o mês em 16 anos   Foto: Tiago Queiroz/Estadão

Após um ano de crescimento, os bancos de montadoras esperam manter a trajetória em 2022. A estimativa ainda não foi fechada, mas a Associação Nacional das Empresas Financeiras das Montadoras (Anef) acredita que, caso a produção afetada pela crise dos chips comece a se normalizar, haverá demanda reprimida a atender.

Em setembro, os financiamentos para compra de veículos superaram os R$ 321 bilhões, 19,3% a mais que no mesmo período do ano passado. Além de os consumidores terem voltado às concessionárias, a inflação cumpriu seu papel: o preço dos carros disparou e impulsionou essa alta.

A estrada para o ano que vem, porém, é esburacada. Em novembro, as vendas foram as piores para o mês em 16 anos. Caíram mais de 23% em termos anuais. A falta de chips continuou como vilã do setor, obrigando fábricas a ficarem parcialmente paradas. Com isso, os financiamentos a veículos usados, que são de maior risco para os bancos, ganharam relevância.

O crescimento da carteira dos bancos de montadoras tem se dado pela volta do consumidor às concessionárias, fruto da desaceleração da pandemia. Mas também escancara a escalada dos preços de automóveis no último ano – de 12,8% nos novos e 14,7% nos usados, segundo o IBGE. Para especialistas, os valores devem se manter.

Se de fato ocorrer, a normalização da produção deve mudar o mix de carros vendidos, com recuperação na produção de veículos mais baratos. Isso é bom para os bancos: Paulo Noman, presidente da Anef, afirma que os veículos mais caros muitas vezes são pagos à vista, porque têm compradores de maior poder aquisitivo. O que pode explicar o fato de que, no terceiro trimestre, quase metade (48%) dos modelos vendidos no País terem sido pagos à vista, acima da média histórica.

 

Esta nota foi publicada no Broadcast+ no dia 02/12/21, às 10h34.

O Broadcast+ é uma plataforma líder no mercado financeiro com notícias e cotações em tempo real, além de análises e outras funcionalidades para auxiliar na tomada de decisão.

Para saber mais sobre o Broadcast+ e solicitar uma demonstração, acesse.

Contato: colunabroadcast@estadao.com

Siga a @colunadobroad no Twitter

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.