BB tem nova baixa na área de análise de empresas

BB tem nova baixa na área de análise de empresas

Coluna do Broadcast

24 de fevereiro de 2019 | 04h00

Com cobranças no estilo Wall Street e remuneração muito inferior à oferecida pelos concorrentes privados, o Banco do Brasil teve uma nova baixa na equipe de análise financeira de empresas (research), sob o guarda-chuva do seu braço de banco de investimento, o BB Investimentos. Desta vez, foi Maria Paula Cantusio, que acompanhava os setores de varejo e saúde. Após seis anos, a reconhecida analista com premiações do setor deixa o BB rumo à Standard & Poor’s. Em concorrentes privados, os salários de analistas chegam a ser três vezes maiores.

Abre o olho. Antes de Maria Paula, Carlos Daltozo, que cobria o setor financeiro, trocou os 20 anos de banco para liderar a área de renda variável da casa independente de análise Eleven Financial. A segunda saída em meses tem como pano de fundo a insatisfação de funcionários do banco em quesitos como remuneração, falta de independência, de reconhecimento e, sobretudo, exigências laborais.

É natural. Procurado, o BB informou que “entende como natural a movimentação de funcionários no mercado e afirma que confia em sua política de formação, reconhecimento e remuneração”. Argumentou ainda que o quadro de analistas do BB BI atua com “independência, dedicação e qualidade amplamente reconhecidas pelo mercado”.

Siga a @colunadobroad no Twitter

Para ver a Coluna do Broadcast sem o delay assine o Broadcast+

Tudo o que sabemos sobre:

BBInvestimento

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.