BNDES se reúne com bancos para definir venda de fatia da JBS

Coluna do Broadcast

15 de novembro de 2019 | 04h00

Por Fernanda Guimarães

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) se reuniu ontem e hoje com bancos de investimento para as primeiras apresentações de propostas para a venda das ações da JBS detidas na carteira do banco de fomento. Ontem foram as primeiras apresentações e hoje ocorre a segunda fase do processo. O sindicato de bancos, que coordenará a oferta subsequente de ações (follow on), pode ser anunciado já nos próximos dias. Esse será o primeiro desinvestimento do BNDES desde que assumiu Gustavo Montezano.

LEIA TAMBÉM: BNDES poderá vender ações da JBS nos EUA

Pode esperar. A ideia é que a oferta de 50% da posição do BNDES, que é de cerca de 21%, ocorra entre dezembro de 2019 e janeiro de 2020. A oferta dessa participação seria próxima de R$ 8 bilhões. Apenas neste ano a ação da JBS registra valorização de 129%. Procurado, o BNDES disse que “não comenta sua estratégia no âmbito de suas companhias investidas”.

Contato: colunabroadcast@estadao.com
Siga a @colunadobroadcast no Twitter

Tudo o que sabemos sobre:

bndes

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.